Os melhores e piores de 2017

Vem chegando o fim de ano e com ele nossa primeira retrospectiva no blog. 2017 foi um ano terrível para o Planeta Terra (menos pra Anitta), mas ainda podemos tirar coisas boas dele, e não só as coisas boas nos quesitos cinema, música, séries e games, mas também os piores de 2017.

Cinema:

[MELHOR] Star Wars – Os Últimos Jedi (resenha aqui): O melhor filme de 2017 veio na reta final do ano e ainda está nos cinemas. O 8º capítulo da saga dos Jedis mostra Luke Skywalker (Mark Hamill) treinando Rey (Daisy Ridley), enquanto General Leia (Carrie Fisher) e seus rebeldes lidam com Kylo Ren (Adam Driver) e a Primeira Ordem. O filme é diferente de tudo o que já vimos na franquia, apostando em heróis de diferentes gêneros e etnias, e numa trama inusitada.

[PIOR] Death Note: A versão hollywoodiana da Netflix para o anime/mangá de sucesso fica aquém do original, alterando o perfil psicológico dos personagens e pondo por água abaixo todas as expectativas de sua legião de fãs. Só a atuação do Willem Defoe como Ryuk se salva.

Música:

[MELHOR] “The Louvre” – Lorde: Pra mim, “Melodrama”, de Lorde, foi o álbum pop do ano (resenha aqui). A minha preferida é “The Louvre”.

[PIOR] “Vidinha de Balada” – Henrique e Juliano: Eu quase que coloco “Despacito” aqui, mais pelo fato de ter sido um hit chiclete infinitamente executado e explorado neste ano, mas daí lembrei dessa ~joia~ brasileira, fruto do sertalixo atual, em que o cara OBRIGA a mina a namorar com ele, e “se reclamar, cê vai casar também”, tipo ???? Relacionamentos forçados é tão século XIX, gente. Deixa as minas em paz.

Séries – Estreantes:

[MELHOR] The Gidted (FX): A série só termina em janeiro, mas até então, se mostrou uma divertida história de super-heróis e a melhor coisa que já aconteceu com o universo X-Men fora dos quadrinhos, inclusive superando os filmes. Os roteiristas utilizaram vários materiais ainda não explorados nos cinemas, e criaram também personagens e tramas novas, e a família Strucker é muito carismática.

[PIOR] Inhumans (ABC): Por falar em personagens Marvel, a maior decepção do ano está para a Família Real dos Inumanos, que foi muito mal adaptada para as telinhas (deixei bem claro nas minhas primeiras impressões da série), com efeitos especiais podres e uma trama sem sal. Uma pena.

Séries – Não estreantes:

[MELHOR] Stranger Things (Netflix) – 2ª temporada (resenha aqui): ST foi um grande sucesso em sua estreia no ano passado, arrebatando muitos fãs por aí, e em sua 2ª temporada, que estreou em outubro, os Irmãos Duffer conseguiram de novo, nos presenteando com uma trama complexa, divertida e empolgante.

[PIOR] Into the Badlands (AMC) – 2ª temporada: Apesar de a 1ª temporada desta série de lutas marciais não ter sido lá essas coisas também, o 2º ano de Into the Badlands foi tão ruim que até desisti de acompanhar.

Games:

[MELHOR] Persona 5 (PS4): Queria ter um Nintendo Switch para poder testar The Legend of Zelda: Breath of The Wild ou Super Mario Odyssey, aclamadíssimos games do ano, porém infelizmente não rolou, então nomeio Persona 5 como meu preferido. Primeiro game da franquia que jogo e está sendo uma delícia. Um RPG de turnos cheio de sidequests e nuances, com uma trilha sonora e game design fantásticos. Ainda não zerei, mas quando eu zerar, vou fazer uma resenha no blog.

[PIOR] Double Dragon IV (PS4, Switch, PC): Não pude jogar muitos games neste ano ao ponto de ter um pior (os que comprei, são jogos que achei, no mínimo, regular), então escolhi DDIV pelo que o público em geral achou. O quarto game da franquia dos dragões gêmeos não trouxe muitas novidades e não passa de só mais um game com jeitão de 8 bits. Resumindo: decepção.

2017 até que foi um bom ano para os universos pop e nerd, mas que o próximo ano seja ainda melhor!

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s